CONSELHOS

Viajar grávida? Sim! Mas como?

"Viajar" e "grávida" são palavras que não combinam bem juntas? Sente que agora que o bom tempo chegou, lhe fariam bem umas férias descansadas? Mas tem a mesma dúvida que todas as futuras mamãs: será que posso viajar grávida? E, caso possa, como?

Se está grávida antecipe os preparativos da sua viagem!


Se tem vontade de viajar, vá viajar! O facto de estar grávida não é impedimento. Só precisa de tomar alguns cuidados consigo e com o seu bebé.

Nos países tropicais existe um elevado risco de infeção por causa dos alimentos ou da água, por isso deve evitá-los quando começar a pensar na sua viagem. Se não tem a certeza que as condições de higiene são boas, escolha outros destinos.
Alguns países requerem vacinação prévia contra várias doenças como a febre amarela ou a malária. Estas vacinas são contraindicadas para as grávidas. Se tem alguma dúvida sobre este assunto, não hesite em perguntar ao seu médico.

A segunda metade da sua gravidez continua a ser a melhor altura para viajar para o estrangeiro, mesmo que possa viajar grávida em qualquer altura. Enquanto no primeiro semestre o mais provável é que sofra de enjoos e cansaço, no terceiro semestre também não será ideal porque a sua barriga fica enorme e os riscos de parto prematuro podem aumentar.

Consoante a sua situação ou o destino, deverá ter também uma especial atenção ao meio de transporte que vai usar, dependendo dos casos, poderá ser melhor viajar de avião, comboio ou de carro.

Cuidados a ter quando se viaja grávida...


Consulte sempre o seu médico de família ou do seu médico obsetra, seja qual for o local para onde vai ou o tempo que lá vai ficar. Ele vai dar-lhe todas as recomendações necessárias e vai aconselhá-la de acordo com o seu caso.
Se não tiver a certeza de que vai poder confiar o suficiente para poder comer frutas e legumes durante a sua estadia, antes de viajar peça ao seu médico que lhe prescreva um suplemento de vitaminas e minerais.

Também antes de partir em viagem e para ir totalmente tranquila, procure maternidades e um ou dois médicos no local para onde vai, nunca se sabe se vai precisar deles! E, para facilitar o trabalho dos especialistas, leve sempre consigo uma cópia do seu processo clínico.
Pode solicitar o Cartão Europeu de Seguro de Doença na Segurança Social caso viaje para um país da União Europeia (incluíndo a Suiça). Para responder a todas as suas perguntas, contacte a Segurança Social, uma vez que existem outros acordos com alguns países no mundo.

Férias zen mesmo grávida de alguns meses!


Preparar uma viagem com antecedência é uma coisa, vivê-la serenamente, com um bebé na barriga é outra! Siga algumas dicas simples e básicas para evitar o cansaço, o stress e outras complicações.

> Coma bem, optando por refeições saudáveis e equilibradas. Evite comer em excesso para prevenir enjoos e outros problemas digestivos, mas não deixe de comer, nem salte refeições.

> Hidrate-se frequentemente! Durante a viagem, deve beber apenas água mineral para evitar o risco de contaminação, nunca beba água da torneira. Beber água irá também prevenir o inchaço dos pés, por isso use e abuse!

> Faça pausas frequentes para ir à casa de banho e esticar as pernas. Opte sempre por roupas confortáveis e práticas, seja qual for o destino ou a situação.

> Vai de férias, por isso evite o stress e realaxe antes de partir ou durante a viagem! Para não ser apanhada desprevenida quando apanhar o avião, ao chegar ao hotel ou quando passear pelo país para onde vai, tente organizar-se da melhor maneira. Para não andar a correr e para não ter de se preocupar, vá mais cedo... evite as ansiedades dos eventuais atrasos do avião ou do comboio antecipando-os.

> Mantenha-se positiva! Não se deixe abater por nenhum contratempo, mesmo que as hormonas não estejam a seu favor. E, se se deparar com uma situação de stress, como por exemplo uma longa fila de espera, leia ou ouça música para pensar noutra coisa e relaxar.

Viaje com moderação, mesmo estando grávida!


«Grávida» não é sinónimo de «ficar em casa». O repouso é essencial, sem dúvida, mas estar à espera de um bebé não significa ter que ficar fechada o dia todo, exceto para as mamãs que têm que ficar deitadas na cama por aconselhamento médico. Então, exceto ordem expressa do seu médico, passear - sem abusar - é permitido. Claro que, estando grávida, não é a altura de fazer rail desportivo ou um percurso de aventuras radicais, mas uma férias "em modo turista" vão fazer-lhe muito bem.

Deverá sempre ter momentos de repouso para levantar os pés e relaxar com um bom banho ou uma boa sesta. Para que se sinta sempre bem, deve alternar as atividades com os momentos de relaxamento e descontração!

O esqui, o snowboard ou o mergulho submarino são totalmente proibidos durante a gravidez, uma vez que são atividades de risco.

Acima de tudo, o mais importante: A-PRO-VEI-TE!